Pular para o conteúdo principal

A primeira vez ninguém esquece!

Charles marca, e Inter quebra invencibilidade do Fluminense na temporada






A primeira vez ninguém esquece!

A frase é velha, mas serve para ilustrar o sentimento de muitos torcedores do Fluminense na noite desta quarta-feira. O time carioca, com quatro vitórias em quatro jogos na temporada, sofreu a primeira derrota no ano e foi de forma dolorida. Perdeu para o Internacional por 1 a 0, no Beira-Rio, em Porto Alegre, pela Primeira Liga, com gol anulado no fim.

O volante Charles, 20, abriu o placar para o time colorado, aos 24 minutos do primeiro tempo, em um belo lance de ataque do Internacional. Detalhe: foi a noite de estreia dele.
E foi o artilheiro da noite que começou a jogada com uma tabela com Dourado. Depois deu a bola para Roberson, que finalizou ao gol. Júlio César defendeu, mas, no rebote, Charles, na área, aproveitou para finalizar e marcar.
O Fluminense chegou a empatar aos 43 da etapa final, com Danielzinho, mas o tento foi anulado por um polêmico impedimento. O jogador aproveitou rebote do goleiro Danilo, que espalmou a bola para a área após cobrança de falta de Marquinho.
Com o tento anulado, os jogadores do Fluminense foram contestar o árbitro assistente, mas não conseguiram mudar a decisão da arbitragem.
O jogo ainda teve três bolas na trave.
O resultado deixou o time gaúcho na liderança do grupo 1, com seis pontos em dois jogos. O Fluminense é o segundo, com três.
A chave ainda tem Criciúma e Brasil-RS, que não se enfrentaram pela segunda rodada. As equipes foram derrotadas na primeira rodada e estão com zero ponto, em caso de empate entre elas, o Internacional já estará classificado.
O jogo
O Inter começou o jogo se defendendo com seus três volantes e apostando nos contra-ataques. Logo aos três minutos, a primeira oportunidade apareceu com D'Alessandro, que recebeu da esquerda de Roberson, ajeitou e bateu no gol, mas Julio César fez bem a defesa.
O Fluminense não conseguia pressionar o Inter e só conseguiu uma nova oportunidade aos 16 minutos. Danilo dominou dentro da área e foi desarmado por Osvaldo após um choque com o goleiro. Com o arqueiro caído, o atacante tentou o chute, da esquerda, mas mandou para fora.
Quando o jogo parecia morno, o Inter conseguiu abrir o placar com o volante Charles, que vem ganhando espaço no Colorado. O garoto tabelou com Dourado e acionou Roberson, que saiu na cara de Júlio César e tentou o chute. O goleiro fechou bem, e a bola sobrou para o jovem, que chutou para o gol.
Antes do final do primeiro tempo, o Fluminense tentou responder com dois chutes de fora da área. Primeiro, Léo bateu cruzado após virada de Renato, mas mandou para fora. Em seguida, foi Lucas Fernandes quem arriscou de fora da área e levou mais perigo, mas também não acertou o alvo.
Se a primeira etapa não teve tantas chances de gol, o segundo tempo começou quente no Beira-Rio. D'Alessandro cruzou da direita e Roberson desviou antes de Júlio César e bola foi na trave. Na sequência, Uendel tentou finalizar no rebote, mas o chute explodiu na defesa do Flu.
Após o início alucinante, o Inter tentou controlar o jogo e prendeu a bola no meio-campo. Aos 24 minutos, Carlinhos acionou Andrigo, que girou sobre a marcação e arriscou o chute no canto, mas Julio César foi buscar.
11 minutos depois, o lateral Carlinhos, que entrou para atuar no meio-campo, cobrou falta com categoria e acertou o travessão. Pouco tempo depois, foi o Fluminense quem acertou o poste, quando Charles quase virou vilão após cobrança de escanteio de Marquinho.
Ainda houve tempo para o Fluminense anotar seu tento, que acabou anulado pela arbitragem. Marquinho cobrou falta para a área, Danilo afastou mal de soco, e a bola sobrou para Patrick, que completou para a rede. O lance muito duvidoso acabou anulado pelo bandeira.
  • Ficha técnica

INTERNACIONAL 1 X 0 FLUMINENSE
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: 8 de fevereiro de 2017 (Quarta-feira)
Horário: 19h30(de Brasília)
Árbitro: Marco Aurelio Augusto Fazekas Ferreira (MG)
Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira (MG) e Magno Arantes Lira (MG)
Cartões amarelos: Anselmo e Charles (INTER); Marcos Júnior, Luiz Fernando e Renato (FLU)
Gol: Charles, aos 24 minutos do primeiro tempo
INTERNACIONAL: Danilo Fernandes; Alemão, Paulão, Klaus e Uendel; Rodrigo Dourado, Anselmo (Carlinhos) e Charles ; D'Alessandro e Valdívia (Andrigo); Roberson (Diego). Técnico: Antônio Carlos Zago
FLUMINENSE: Júlio César; Renato(Danielzinho), Nogueira, Henrique e Léo; Douglas, Jefferson Orejuela, Luiz Fernando e Marquinho; Osvaldo, Marcos Júnior (Maranhão) e Lucas Fernandes (Patrik). Técnico: Abel Braga

Fonte: ESPN

Comentários