Paulo Roberto Carvalho dos Santos

                             Paulo Roberto Carvalho dos Santos



Nome:  Paulo Roberto Carvalho dos Santos...mas ninguém conhece esse cara, e sim o “Cachaça”!!!

Profissão: bom, são várias, mas escolho duas: Gestor Imobiliário e Empresário.
Uma Palavra: Saúde
Uma lembrança de infância: Bah...sem dúvida o dia da inauguração do estádio Beira Rio...e eu presente é claro!!!
O que gostas de fazer nas horas vagas? Divido meu tempo em: bastante trabalho, um pouco com a família e o que sobra com o INTER.
Um Livro: “João Saldanha...uma vida em jogo”. Ganhei o livro de um amigo que falou que eu e o João Saldanha somos almas gêmeas!!!
Que tipo de música gostas de ouvir? Não escuto musica.
Um lugar Inesquecível: Já conheci muita coisa, muitas andanças, mas a praia de Bombinhas em SC ainda é um “belo” lugar.

Um sonho: Já realizado!!  Ver meus 3 filhos formados e encaminhados na vida...isso não tem preço...vivemos para os filhos!!!

Arrepende-se de algo? De absolutamente nada.



Família (defina):  Família é assim: A mãe coordena tudo e o pai da o sustento material. Se der certo, parabéns para a mãe!!!

Amigos (defina): hehehehehe...amigos é assim: “Se tu patrocinar uma festa para os conhecidos, terá de ser em um ginásio de esportes, mas se for para os amigos, pode ser na cozinha da casa”!!!

Uma triste lembrança: o falecimento de minha mãe...ela me fez muita falta.

Uma pessoa que julgas incrível:  meus filhos pela inteligência e força de vontade...todos os três.
Como é a  sua ligação com o Internacional?
(Como surgiu e até os dias de hoje, conta a tua história...)

Pois é...sou de uma família onde minha mãe era Colorada mas meu pai não (ele era um dos 18 sócios do Cruzeiro de POA e até hoje é fanático torcedor do S.C.Corinthians  Paulista). Possuímos todos títulos patrimoniais e proprietários do INTER que na época era possível adquirir, tudo em função da minha mãe...é interessante pois meu pai não sendo colorado, proporcionou que nós colorados (tenho mais 2 irmãos) vivêssemos intensamente o clube. Vou a campo de futebol desde quando tinha 8 anos...vi jogos nos Eucaliptos...e note, sempre morando no interior.  Minha ligação com o clube sempre foi de torcedor...sou uma pessoa abençoada pois tive a oportunidade de conhecer o mundo todo onde o INTER esteve. Com certeza tudo que gastei e fiz pelo INTER hoje faria novamente. Sei que isso não leva a nada, mas é o meu vício...é o meu relax...o meu carma...o meu “terra”. Sou criticado por isso, mas minha personalidade sempre mostrou que sou “do contra”. Sou feliz gostando de futebol. E que fique claro, futebol é um dos lazeres mais caros que tem.




Um jogo inesquecível: Bom...fui em mais de 1.200 jogos do INTER no estádio...corpo presente. O jogo inesquecível, foi com certeza o Gre-Nal do século...nada supera aquele jogo...com um jogador a menos e virar um jogo totalmente perdido.

Um lance ou gol inesquecível:  Agora sim...são dois: Gabiru em Yokohama em 2006 e Giuliano na Argentina contra o Estudiantes na Libertadores de 2010...o gol da “fumaça”!!!
Um ídolo no futebol:  É difícil...nos dias de hoje a coisa tá muito “mercenária”...então fico com o Ruben Paz, uruguaio que jogou no INTER.



Como o Paulo torcedor dentro do estádio, tens algum ritual?
Hehehehehehehehehe...essa pergunta é luxo. Preciso chegar sempre 2 horas antes dos jogos. Estacionar bem...não correr riscos de “correrias” me posicionar no melhor lugar do estádio...colocar meus “panos”...e sempre, mas sempre mesmo, vaiar o JUIZ!!! Juiz e bandeirinhas é a pior parte de um espetáculo de futebol!!!




Participas de alguma torcida organizada? Não, não participo.



Tens uma passagem curiosa para nos contar das tuas andanças junto ao Internacional?
Lembro em 2010...um jornal e uma rádio aqui da região (Tres Coroas/Novo Hamburgo) fizeram uma entrevista comigo e eu prevendo o pior larguei: “Em 2006 tínhamos um time mediano contra um Barcelona imbatível...mas tínhamos um grande técnico. Em 2010 temos um time mediano, contra um adversário mediano  também (eu prevendo uma final contra a INTER de Milão), mas temos um técnico muito ruim (Celso Roth)” Então o entrevistador me falou: “Estranho, tu esta indo acompanhar sabendo que não vai ser campeão, em um mundial mais fácil de ganhar”??? e respondi: Exatamente isso!!! Não vou a campo de futebol por resultados, vou porque gosto de futebol e do INTER!!!


Onde estavas no dia 17 de dezembro de 2006?  De pé, atrás da goleira em Yokohama desgraçando o Iarley por não ter dado a bola para o Luiz Adriano na direita e sim para o Gabirú no meio...hehehehehehe!!! No final do jogo lembro que a primeira coisa que gritei foi: “E não era o Hamburgo”!!! Coisas de Paulo Roberto!!!






O que esperas do Internacional em 2014? Pois é...não sou a melhor pessoa para responder esta pergunta. Não espero nada de ninguém...todos recebem para fazer o seu trabalho...mas no fundo sonho que o novo Beira Rio seja o diferencial em nossos jogos!!! Vivi o INTER onde o adversário vinha a Porto Alegre sabendo que ia perder o jogo...as coisas mudaram, mas no fundo acredito que possamos voltar as “antigas”!!!


Deixe um recado aos leitores do site / fan Page  Bar Colorado:

Bom...com relação ao futebol,a coisa é mais ou menos assim: Um clube que tem 105 mil sócios precisa sempre colocar 20.000 torcedores no estádio...este é o diferencial...sou torcedor de estádio...não sei torcer vendo jogos pela TV...no fundo gostaria que todos colorados fossem como eu...mas isso é “utopia”!!!
Com relação a “vida” tenho uma tese infalível: “Primeiro tu precisa dar, para depois ganhar...tu pode não ganhar, mas a tua parte tu já fez”!!! Saúde a todos, porque o resto é covardia!!! Tendo saúde, até alambrado de estádio a gente pula!!! Esse é o Cachaça!!!




Entrevista feita pela Luciana Lima 


Comentários

  1. Um grande Colorado.Sempre presente em todos os jogos.Tem uma visão perfeita do que acontece no futebol.Bela entrevista.
    UM abraço...

    ResponderExcluir
  2. Tenho orgulho de ter como amigo uma pessoa como o Paulo Cachaça!!! Na bagagem dele, vai detalhes que hoje em dia não se encontram mais. Parabéns aos envolvidos pela pela entrevista!!! :-)

    ResponderExcluir

Postar um comentário