Vanuza Veloso Lisboa

Vanuza Veloso Lisboa



Nome:  Vanuza Veloso Lisboa

Profissão: Securitária

Uma Palavra: Fé

Uma lembrança de infância: Meus avós

O que gostas de fazer nas horas vagas? Sempre que posso vou ao Beira Rio, passeios ao ar livre, praia (amo o mar).

Um Livro: A Semente da Vitória

Que música toca no som do carro? Jota Quest

Um lugar Inesquecível: O Cristo Redentor



Um sonho: Um mundo melhor, sem violência, com mais amor, solidariedade e menos ganância.

Arrepende-se de algo? Não, acredito que tudo o que passei foi aprendizado.

Família (defina):  Minha base, pra onde eu sei que posso correr quando precisar, eles estarão sempre ali.

Amigos (defina):  São meus “anjos de plantão”, aqueles que não te cobram nada e te aceitam como você é.



Uma triste lembrança: A morte da minha avó quando tinha 9 anos, foi a primeira perda importante da minha vida, sinto muita saudade.

Uma pessoa que julgas incrível:  Minha mãe, a gente até briga às vezes mas ela é maravilhosa.
Como é a  sua ligação com o Internacional?
(Como surgiu e até os dias de hoje) Tive o privilégio de nascer no dia 04 de abril, dois dias antes da inauguração do Beira Rio, por isso sempre digo que já nasci Colorada, passei uma infância maravilhosa em Caçapava do Sul onde pude presenciar o Tri Campeonato Brasileiro, de lá pra cá foram muitas alegrias e tristezas também, mas sempre ali acompanhando tudo e apoiando sempre.

Um jogo inesquecível: Inter X Palmeiras (27/11/2005), meu primeiro jogo no Beira Rio, fiquei encantada com tudo, lembro que pediram para o torcida ir de roupa preta em sinal de luto pela roubalheira daquele Campeonato.
Um lance ou gol inesquecível:  greNAL 385, final da Taça Farroupilha 2011, quando o Renan defendeu a cobrança de pênalti do Fernando, a vibração dele foi um dos momentos mais marcantes que eu pude presenciar, naquele momento ele era a pessoa que mais merecia aquela vitória.

Um ídolo no futebol:  Fernandão




Como é a Vanuza torcedora dentro do estádio, tens algum ritual?  Não tenho nenhum ritual, exceto sair bem cedo de casa pra ver toda a movimentação do povo chegando e encontrar os amigos.





Participas de alguma torcida organizada? Não participo de nenhuma torcida organizada, apenas de uma turma de amigas que se reunem para assistir os jogos juntas, conhecida como “Meninas da Mureta”.


Onde estavas no dia 17 de dezembro de 2006?  Em casa, arrumando meu guarda roupa, pois não tive coragem de olhar o jogo, estava muito nervosa, só olhei os minutos finais depois do gol.





O que esperas do Internacional em 2014? Que jogue com muita raça e no final do ano nos presenteie com a taça de Campeão Brasileiro.


Deixe um recado aos leitores do site / fan Page  Bar Colorado:

Que os torcedores compareçam ao Beira Rio pra apoiar, sem brigas e sem destruir o patrimônio do Clube, assim como o estádio do rival, dando exemplo do povo civilizado.




Entrevista feita pela Luciana Lima

Comentários