José Álvaro Bicca Ribeiro

José Álvaro Bicca Ribeiro




Nome:José Álvaro Bicca Ribeiro

Nascimento: 01/07/1971

Profissão: Administrador

Uma Palavra: Determinação

Uma lembrança de infância: Tudo que diz respeito a minha vivência em familia

O que gostas de fazer nas horas vagas? Passear

Um Livro: O Monge e o Executivo

Que música toca no som do carro? Tudo (menos sertanejo)... groove, hip hop, soul, samba, funk, mpb, mpg,etc

Um lugar Inesquecível: Porto Alegre



Um sonho: Ver minha filha encaminhada na vida com segurança

Arrepende-se de algo? Somente do que não fiz, como por exemplo não ter lido alguns livros e artigos cujos assuntos eram de meu interesse

Família (defina): Passado, presente e futuro. Em suma: TUDO




Amigos (defina): Algo tão valioso e raro que possuem uma definição um tanto complexa. Mas penso que amigos são aqueles que carregam consigo (mesmo que em pensamento) algo tenhamos vivenciado ou feito um pelo outro sem interesse algum

Uma triste lembrança: Minhas tristezas são momentâneas. Possuo mais razões para ter lembranças alegres que as tristes não se perpetuam. Apenas aquelas que se renovam diariamente como crianças desprotegidas soltas nas ruas sujeitas a todo o tipo de violência, drogas, exploração  com seus futuros condenados...

Uma pessoa que julgas incrível:  Meu pai, meu herói... que Deus o tenha e o proteja sempre no reino dos céus.




Como é a  sua ligação com o Internacional?
(Como surgiu a sua ligação com o Inter e até os dias de hoje)
 Forte, porém tranquila e muito serena como aprendi com meu pai. Sempre torci arduamente sem me violentar ou sofrer. Adoro o esporte, o desafio, a adrenalina, a paixão e especialmente a mobilização que o clube provoca em toda a nação colorada.

Acho que desde que nasci. Pertencente a uma família  de origem bastante humilde,  onde naturalmente a maioria sempre torceu pelo Clube do Povo... Além disso quem nasceu na década de 70 teve o prazer de conviver com hegemonia vermelha que aliás foi a primeira  força do futebol gaúcho a conquistar glórias além do Mampituba...

Um jogo inesquecível: Sem dúvida, Internacional x São Paulo na final da Copa Libertadores 2006

Um lance ou gol inesquecível:  Gol do Falcão na semi final do Brasileirão de 1976 após a tabela de cabeça com o saudoso Escurinho. 
Um ídolo no futebol:  Paulo Roberto Falcão... Penso que a figura dele tornou o Inter conhecido no resto do mundo naquela época.


Como é o José Álvaro torcedor dentro do estádio, tens algum ritual?  Silencioso, tranquilo. Gosto de olhar o jogo  atentamente. O único ritual é assistir com amigos porque acho um momento de total descontração, mesmo com as tensões normais do jogo. Uma espécie de terapia em grupo


Participas de alguma torcida organizada? Não sou muito simpático a organizadas, embora acredite que elas façam parte do espetáculo

Onde estavas no dia 17 de dezembro de 2006?  Em casa com minha esposa




O que esperas do Internacional em 2014? Uma renovação de atitude que possa garantir uma conquista nacional seja Copa do Brasil ou quem sabe o tão sonhado Brasileirão...ou seja, não gostaria de comemorar apenas vaga!


Deixe um recado aos leitores do site / fan Page  Bar Colorado

Torcer e apoiar sempre o time do Inter, independente de interesses, facções politicas ou qualquer outra coisa do gênero, pois independentemente das pessoas que lá estejam comandando,dirigindo ou presidindo as cores do Inter sempre devem ser respeitadas acima de tudo.



Entrevista feita pela Luciana Lima



Comentários