Rosália Colorada



A solução é mudar de treinador?

Eis um assunto polemico, que volta e meia vem a tona dentre os torcedores após uma rodada de resultado não favorável e é inerente a cultura do futebol nacional, com respeito à troca de treinadores quando os times não vão bem na competição.
O Brasileiro das Séries A e B tem sido bem pródigo na dança dos seus treinadores. A cada rodada um deles cai, para dar lugar a um novo, com métodos diferentes e um recomeço forçado.
Ao contrário da famosa frase da era da ditadura militar, de que no lugar que o futebol ia bem a Arena (partido de apoio ao governo), também ia bem, no atual momento é aplicado uma outra frase, que textualiza: no futebol quando o time vai mal, o treinador vai mal e dança.
Existe uma lógica nefasta de que mandar embora um técnico é a solução de todos os problemas quanto a resultados de jogos.
Um clube é uma empresa, queiram ou não, e tem que trabalhar como tal. A contratação de um treinador de futebol tem que ser feita segundo o planejamento que foi estabelecido para a temporada.
Quando de faz o planejamento para a temporada deve-se fazer um estudo do perfil do técnico, elenco e se estes se encaixam no planejado. A torcida a meu ver tem uma participação bastante decisiva na es olha, quando de manifesta contra ou a favor de determinada contratação de técnico, lembro de várias campanhas de fora fulano de tal, sicrano não, beltrano? Ahhh, este sim, este é a solução para o Sport Club Internacional, raríssima exceção via-se algum comentário contraditório.
O que temos visto é a impaciência da torcida, e a cultura da mudança de técnico como solução milagrosa, e não dão a este o tempo necessário para que possa implantar seu método de trabalho, formar seu time ideal e seguir seu trabalho.
A mesma torcida que clamou por sua contratação, que ovacionou nos resultados positivos é a torcida que o hostiliza quando o resultado não é bom.
Quem viveu os tempo difíceis do Inter sabe ponderar o assunto com muito menos crueldade para com o assunto parafraseando Hi Colorada: "Ser Colorado é muito mais que torcer pelo time, é viver sua história"
Rosália Colorada
*Texto enviado para o site é de inteira e exclusiva responsabilidade do autor

Comentários